quarta-feira, 30 de novembro de 2016

Estilo industrial para chamar de lar

Muitas pessoas temem aplicar o estilo industrial em suas casas, pois acreditam que esse tipo de decoração é muito bruta. No entanto, este projeto do arquiteto Stefan Gallasch vai te fazer mudar de ideia.  

Fotos: Francisco Refosco




O Loft de 70 m² está localizado em Praia Brava, Santa Catarina e pertence ao estilista André Francisco Dalsegio, que além de ser super antenado nas tendências mundiais de moda e decoração, solicitou inspiração em Londres, sua cidade favorita.


Para deixar o ambiente a altura, o arquiteto manteve salas de estar e jantar, dormitório, banheiro, área de serviço e escritório com os acabamentos brutos originais da construtora - concreto e cimento queimado. Para trazer contraste e acolhimento, foram escolhidos materiais sofisticados como espelho, cerâmica, ladrilho hidráulico, madeira e tijolo, além de um cuidadoso projeto luminotécnico e móveis de design assinado.  




O ponto alto do projeto está nas paredes do dormitório, cujos revestimentos Ebony e London Brick, da marca brasileira Brick Studios foram mesclados para alcançar um resultado natural, inspirado nos tradicionais tijolos de Londres. 


A composição bem masculina com predominância do preto e tons terrosos mostra como é possível lançar mão dos elementos industriais como cimento queimado, tijolos e tubulações aparentes, sem perder o clima acolhedor do lar. 



Serviço:
Brick Studio 

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Cursos e palestras baratinhos só essa semana!

O Senac Lapa Tito realiza entre hoje e o dia 26 de novembro a Semana de Arquitetura e Design de Interiores com diversos cursos e outras atividades bem interessantes.

Para participar, é necessário fazer a inscrição pelo site: www.senac.com.br/lapatito

Quer saber o que vai acontecer por lá? Então dá uma olhada:

Terça-feira (22/11) - haverá uma mesa redonda com ex-alunos de Design de Interiores e Paisagismo, das 19h30 às 21h30, com entrada gratuita.  

Quarta-feira (23/11) - terá três eventos: 1) Oficina de Móbiles, das 13h às 18h, no valor de R$ 20,00 / 2) Oficina de Arranjos Florais para Ambientes Residenciais, no mesmo horário da oficina de móbiles, por R$ 50,00 / 3) Palestra sobre Ferramentas Digitais e Ambientes Virtuais na concepção do projeto, das 19h30 às 21h30, a R$ 10,00. 

Quinta-feira (24/11) - são duas atividades: 1) Oficina de Cultivo de Plantas Medicinais e seus Usos, das 8h às 13h, por R$ 20,00 / 2) Oficina de Marchetaria, das 8h às 18h, pelo valor de R$ 50,00. 

Sexta-feira (25/11) - é o dia mais agitado com: 1) Oficina de Luminárias, das 8h às 12h ao custo de R$ 50,00 / 2) Oficina sobre Como Montar uma Horta Caseira, das 8h às 17h, a R$ 20,00 / 3) Oficina sobre Vitrina, Vitrinista e suas Atribuições, das 8h30 às 12h30, por R$ 20,00 / 4) Oficina de Maquetes, das 15h às 17h, no valor de R$ 20,00 / 5) Palestra sobre como Desenvolver Paleta de Cores para Design de Interiores, das 19h30 às 21h30, por R$ 10,00. 

Além disso, durante toda a semana haverá duas exposições de trabalhos realizados pelos alunos da unidade: uma com desenhos de observação e outra com suculentas e jardins verticais.

Toda essa programação foi pensada para apresentar à comunidade os recém-inaugurados laboratórios e estrutura reformulada (que incluem jardim, sala de vitrinismo, sala com sistema luminotécnico, pranchetários, entre outros) para receber os 25 novos cursos que estarão disponíveis a partir do ano que vem (2017), com uma nova programação em arquitetura e urbanismo. 

Está esperando o quê? Corre lá e faz a sua inscrição no site: www.senac.com.br/lapatito


Serviço:
Senac Lapa Tito
Rua Tito, 54 - Vila Romana, São Paulo/SP
Tel.: (11) 2888-5500

Faça uma visita virtual pela unidade: https://goo.gl/maps/TrbS4nXqYo12

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Simplicidade e versatilidade para qualquer ambiente

A frase: "Menos é mais", proferida pelo arquiteto Mies van der Rohe sintetiza como ideias aparentemente simples podem ser muito inteligentes e úteis. O design contemporâneo está repleto dessas soluções onde a forma, pura, sem exageros, segue a função. 

Imagem: Divulgação

Ao me deparar com a série de bancos Joy, assinados por Larissa Guimarães Batista, percebi que esse é um dos casos, onde o móvel se destaca por sua singeleza. Uma peça de madeira maciça com 42,5 cm de altura e 32,5 de largura e profundidade, com uma pintura em degradê e uma alça de corda, fazem deste, um objeto que pode compor a decoração de qualquer ambiente da casa, inserido em grupos ou unitariamente de maneira harmoniosa com diversos estilos de decoração. 

O formato possibilita a pluraridade de sua utilização, como banco mesmo, ou como um objeto de apoio próximo a um sofá, uma cama ou uma escrivaninha. A alça lhe garante mobilidade, ideal para aqueles dias em que a casa está cheia de amigos; e as diversas cores dão asas à imaginação na hora de inseri-los nos cômodos. Esse já está na minha lista de desejos!

Onde encontrar:
Dioudi